Sobre

AS ORIGENS DA ONG

 

O GAPA-MA teve origem simbólica em 05 de outubro de 1999, quando um filhotinho de vira-lata preto reuniu suas últimas forças para ficar olhando para dois fundadores do Grupo, da varanda de um restaurante onde jantavam, em Correas, Petrópolis. Apesar de muito fraco, aquele olhar inocente e cheio de sofrimento e esperança foi capaz de motivá-los, não apenas para salvá-lo, mas para iniciar um trabalho que tem representado uma esperança concreta para os animais abandonados de Itaipava e outros Distritos de Petrópolis, na região serrana do RJ.

 

Hoje, já são diversos voluntários atuando ativamente nos Distritos, resgatando e  preparando os animais, com o objetivo de buscar um novo lar mediante a promoção de eventos quinzenais de adoção desses animais carentes.

 

CARACTERIZAÇÃO JURÍDICA

 

A constituição formal do GAPA-MA ocorreu em 19.02.2005, com registro de nosso Estatuto e Ata de Fundação no 1º Ofício do Cartório de Pessoas Jurídicas da cidade e Petrópolis.

 

O GAPA-MA formou-se como Associação sem fins lucrativos, nos moldes exigidos pelo novo Código Civil Brasileiro e estabeleceu sua sede em Itaipava, Distrito de Petrópolis, local que lhe serve de ponto de referência para a guarda e conservação de documentos.

 

Sua Diretoria é composta por 6(seis) membros: Presidente, Vice Presidente e quatro Diretores.

 

MISSÃO E OBJETIVOS PRIORITÁRIOS

 

São objetivos fundamentais do GAPA-MA (i) a defesa dos animais, (ii) a preservação e conservação do meio ambiente e (iii) a promoção do desenvolvimento sustentável.

 

Para a consecução destes objetivos, o GAPA-MA está habilitado a exercer atividades técnicas, culturais e assistenciais, são elas:

 1.Prover assistência médica-veterinária aos animais: (i) abandonados, assim entendidos os que vagam pelas ruas sem proprietário aparente e (ii) mal-tratados (ainda que possuam proprietário aparente e/ou conhecido);

 2.Atuar na área de defesa, saúde e bem estar animal, envidando todos os esforços para a implementação de políticas de combate ao uso de animais em quaisquer tipos de experiências, seja para estudo ou pesquisa, bem como atividades que submetam os animais a sofrimento, humilhação e/ou esforços extremos, tais como rodeios, circos e assemelhados;

 3.Atuar na área de controle populacional, mediante ações que priorizem a realização de castrações de animais abandonados ou não, inclusive promovendo campanhas, com ou sem patrocínio/apoio do Poder Público ou da Iniciativa Privada, em centro cirúrgico próprio ou de terceiros;

 4.Estabelecer acordos operacionais, parcerias e convênios com pessoas físicas, jurídicas, públicas e privadas, bem como associações assemelhadas, no Brasil e no exterior;

 5.Apoiar pessoas, associações, empresas e instituições, públicas ou privadas, no cumprimento do determinado pela legislação vigente no que diz respeito à proteção animal e ambiental como um todo;

 6.Promoção do voluntariado;

 7.Atuar e acompanhar processos administrativos ou judiciais que tenham por objeto a defesa dos animais e do meio ambiente,

 8.Elaborar e implementar campanhas educativas, através dos meios de comunicação, com a participação dos cidadãos, empresas, instituições e organizações, objetivando o esclarecimento da população com relação à posse e guarda responsável de qualquer espécie de vida animal, cuidados com o meio-ambiente e o desenvolvimento sustentável;

 9.Desenvolver e/ou implementar programas que utilizem animais em ações que visem o bem-estar de pessoas necessitadas de cuidados especiais;

 10.Promover palestras, eventos, congressos ou outro tipo qualquer de reunião sobre temas que, direta ou indiretamente, contribuam para o desenvolvimento dos objetivos da Associação, inclusive com a confecção de material didático e técnico correspondente, respeitada a legislação concernente à proteção dos direitos autorais de seus idealizadores;

 11.Realizar feiras/eventos de adoção de animais;

 12.Desenvolver projetos ou consultorias para planejamento do uso dos recursos ambientais, melhoria ou recuperação de áreas degradadas, bem como o acompanhamento da qualidade ambiental;

 13.Vender produtos, promover eventos ou deles participar, para divulgação da associação e angariar fundos para a realização de seus objetivos;

 14.Realizar estudos, desenvolvimento de tecnologias alternativas, produção e divulgação de informações e conhecimentos técnicos e científicos que digam respeito às suas atividades;

 15.Agenciar artistas, editar e publicar livros, periódicos, vídeos, DVD’s, programas de Rádio e de Televisão, Internet e outros tipos de mídia, após autorização e cumprimento das formalidades legais.

 

EVENTOS QUINZENAIS DE ADOÇÃO

 

Dentre as atividades elencadas acima, vale destacar a “Realização de feiras/eventos de adoção de animais” (Art. 4º letra “k” do Estatuto Social).

 

Trata-se de atividade desenvolvida antes mesmo da constituição jurídica formal do GAPA-MA e conta, atualmente, com contínua realização em Itaipava e, eventualmente, no Rio de Janeiro, desde 07 de setembro de 2002.

O trabalho de adoção vem se mostrando muito eficaz como complementação à política de controle populacional, que também consiste em atividade inerente à Associação.

 

Encontrar um novo lar para o animal resgatado é o objetivo final da atividade que se desenvolve através das feiras de adoção, cuja divulgação pelos meios de comunicação é essencial.

 

Antes de os animais resgatados participarem das feiras de adoção, o GAPA-MA exige que se submetam a uma preparação criteriosa que inclui:

 

=> Avaliação veterinária preliminar;

 

=> Higiene básica;

 

=>Medicação (se necessária);

 

=>Vermifugação;

 

=>Vacinação contra raiva e doenças específicas de cães e gatos e,

 

=>Castração.

 

Essa preparação é absolutamente fundamental para o sucesso da adoção e vem sendo totalmente custeada, com muito esforço, pelas receitas mensais e contribuições extraordinárias dos voluntários do GAPA-MA.

 

Os Eventos de Adoção de Animais têm sido realizadas no estacionamento do Hiper EXTRA, na Estrada União-Indústria, 11.711, em Itaipava e na varanda do Parque de Exposições de Itaipava, na Estrada União-Indústria, 10.000, respectivamente no 1º e 3º sábados de cada mês.

 

A adoção é precedida de entrevista do interessado que, sendo maior de idade, apresentando seus documentos e aceitando as condições constantes do Termo de Responsabilidade (termo de adoção) firma o instrumento como compromisso a ser cumprido.

 

Na oportunidade da adoção, o GAPA-MA registra, com foto, o momento e divulga a adoção no seu site (www.gapaitaipava.org.br) no qual também apresenta os animais para adoção e divulga matérias de interesse geral.

 

Um(a) voluntário(a) fica responsável por manter contato para auxiliar no período de acompanhamento, com informações, visitas e até medicamentos gratuitos do nosso próprio estoque para pessoas de baixa renda, mas que estão cuidando bem de seus animais.

 

Caso não ocorra uma boa adaptação e as partes não demonstrem estar felizes, o animal retorna ao GAPA-MA e, de posse das informações durante o acompanhamento, tenta-se uma nova adoção, com um perfil mais específico.

 

Semestralmente o GAPA-MA promove o levantamento estatístico das adoções e os dados ficam disponíveis em nosso website, cujos acompanhamentos feitos pelos voluntários demonstraram sucesso em 90% (noventa por cento) dos casos.

 

NOSSAS NECESSIDADES IMEDIATAS

 

Depois do nosso processo de formalização, estamos totalmente habilitados para receber doações e recursos em moedas nacional e estrangeiras. Com estes recursos, teremos condições de suportar os custos dos tratamentos veterinários, castrações, remédios e alimentação dos animais sob nossos cuidados.

 

Nossa conta-corrente é nº 13.000073-0, no Banco SANTANDER, agência nº 3957 – Rio Design Barra.

 

As pessoas também podem tornar-se nossos contribuintes fixos ou eventuais, a partir de R$ 25,00/mês, bastando para isto, escrever para  ajudeogapa@gapaitaipava.com.br, com seus dados e indicando como prefere contribuir.

 

Podem também fazer a adoção virtual de um dos animais sob nossos cuidados e visitando-os.

 

São também muito bem-vindas as doações dos seguintes itens:

 

=>Ração para cães e gatos, adultos e/ou filhotes, preferencialmente fabricadas pela PEDIGREE, pois fazemos parte da Campanha “Adotar É Tudo de Bom”;

 =>Remédios humanos, vencidos e/ou próximos do prazo de vencimento;

 =>Remédios veterinários: Cefalexina, Amoxilina, Glicopan, Quadriderm, Canesten, Icaden, Oncilon, Sabonetes contra sarna e os vermífugos Panacur suspensão filhotes,  Drontal, Panacur, Vetmax, Milbemax e Endograd;

 

A IMPORTÂNCIA DO TRABALHO VOLUNTÁRIO

 

Precisamos muito de voluntários que possam atuar em nossas ações externas, bem como os que possuam espaço em suas casas para hospedarem temporariamente animais em diferentes estágios de tratamento veterinário e/ou aguardando adoção. Neste campo, tivemos adesões muito importantes e hoje são muitos amigos, de diversas formações, atuando e engajados neste sonho.

 

NÃO TEMOS ABRIGO NEM RECEBEMOS ANIMAIS DE TERCEIROS

 

A nossa filosofia é totalmente contrária ao conceito de abrigo defendido por alguns na proteção animal. Não que estejamos criticando quem quer que seja, mas consideramos que, no tempo, o abrigo acaba transformando-se num grande “depósito”, onde as oportunidades de adoção tornam-se muito difíceis. Queremos fugir deste círculo vicioso onde as pessoas podem se sentir estimuladas a abandonar seus animais, sabendo que o abrigo irá cuidar deles.

 

A legislação existente e, principalmente as campanhas educativas, procuram chamar a atenção das pessoas para o drama dos animais abandonados, como se deve olhar para eles com mais respeito e compaixão e dando algumas sugestões de como ajudá-los em sua luta diária pela vida.

 

NOSSOS PRINCIPAIS PARCEIROS

 

Para nossas atividades habituais temos recebido apoios importantes da imprensa local, sob a forma de espaço nos Jornais Tribuna de Petrópolis, Jornal de Itaipava, Caderno Globo Serra de O Globo, Folha da Região e Jornal Acontece, bem como da Revista Estações de Itaipava, Revista Básica(RJ), do site NetPetrópolis e da comunidade local e de outros municípios próximos, tais como:

 

=>Grupo Pão de Açúcar – Hiper EXTRA, cessão gratuita de espaço para realização das feirinhas e divulgação dos materias educativos;

 =>Prefeitura de Petrópolis – cessão gratuita de espaço no Parque de Exposições de Itaipava para realização de feirinha e divulgação de materiais educativos;

 =>Hiper Dog Rações – descontos na compra de rações e ajuda na divulgação das campanhas de adoção;

 

VETERINÁRIOS PARCEIROS

 

Na região, os veterinários que mais colaboram no atendimento aos animais resgatados pelo GAPA-MA são:

 

=> Clínica Bicharada (Dra. Cintia Veiga), Veterinária Be Happy (Drs. Hazel Grassani e Mauro), Veterinária de Areal (Dra. Marluce Guedes), Veterinária de Pedro do Rio (Dra. Tatiana) e Veterinária Vila de São Francisco (Dra. Marluce Barroso), bem como os Veterinários Dr. Flávio Guilherme e Adriana Navi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *